compartilhar:

Incontinência urinária, por essa o Terapeuta não esperava.

Incontinência Urinária não é bicho de sete cabeças!

Incontinência urinária é um dos assuntos que mais gosto de tratar. Normalmente, é necessária apenas uma sessão, e isso acontece não apenas com criança, mas também com adultos. Eles relatam umas “escapadas”, e não conseguem entender o porquê.

Isso causa frustração e vergonha. Será que isso é normal?

Não! Normal não é. Isso acontece quando o corpo está respondendo a um estímulo, aí entra a individualidade de cada um. E quando é que nosso corpo adota esse comportamento?

Não é doença, é normalmente quando estamos nos sentindo como se estivéssemos perdendo um território, seja um espaço no emprego, pode ser o espaço dentro de casa, por isso teremos que perguntar para o nosso paciente o que é que, na percepção dele, soa como se ele estivesse perdendo espaço, perdendo território.

Na etologia animal, entra a explicação sobre isso… os animais demarcam seu território através de cheiro forte, da sua urina ou das fezes, ou até mesmo de suor forte. Vemos isso, muitas vezes, em crianças. A criança foi retirada da fralda, aí nasce um irmãozinho e ela volta a fazer xixi na cama, isso é demarcação de território.

Como consertar isso?

Você terá que valorizar os territórios, e entender nessa criança o que ela entende como território. É um quarto ou são os pais? Entendendo isso, você poderá reforçar os territórios que para ela são inabaláveis, talvez seja uma presença. Não é o tempo, mas a qualidade do tempo que você passa talvez com essa criança que fará a diferença e que fará com que ela entenda que esse território nunca foi perdido, ele pertence a ela.

Clique aqui e entenda de onde surgiu a técnica do Bioalinhamento

 

 

compartilhe:

Avenida Brasil, 658 - Centro - Urânia/SP - CEP: 15760-000